Yoga Suspenso 2012 © António Pedro Santos

Yoga Suspenso 2012 © António Pedro Santos

Sobre mim

O meu nome é Ana. Tenho 39 anos.

Em Junho de 2016 fui diagnosticada com esclerose múltipla. De um dia para o outro, vi-me numa cama de hospital com dificuldades em falar, escrever e andar. Foi na recuperação desse primeiro surto da doença que compreendi o verdadeiro sentido do yoga na minha vida, depois de 17 anos de prática. Também foi durante o período de recuperação que finalizei o curso de instrutora.

Procuro desde então o caminho de uma vida mais saudável. Não só prestando mais atenção ao que como e dedicando mais tempo ao exercício físico, mas principalmente cuidando do que penso, do que sinto e do que desejo.

Ao longo deste processo descobri coisas simples. Por exemplo, que inspirar e expirar de forma consciente é das coisas mais saudáveis que posso ter na minha vida. Ou que tudo o que a minha doença me ameaça roubar, o yoga me oferece todos os dias: vitalidade, equilíbrio, força, bem-estar físico e emocional.

Decidi por isso partilhar este caminho com outros. Oferecer - enquanto eu mesma continuo a estudar -, conhecimento, partilhar experiência e criar condições para que qualquer pessoa descubra em si novas possibilidades de equilibrar corpo e mente, sentir vida em cada respiração, encontrar bem-estar em cada dia.

Foi daqui que nasceu o Inspirar yoga, um espaço feito especialmente para si. Seja bem-vindo.

Ser ou estar fit é quando o nosso corpo não se torna um obstáculo para vivermos a vida tal como desejamos, a fazer tudo o que mais desejamos.
Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exacto
— Charlie Chaplin
tudo o que a minha doença me ameaça roubar, o yoga me oferece todos os dias: vitalidade, equilíbrio, força, bem-estar físico e emocional